Jejum

Estava meditando no livro de Daniel, capítulo 10, e algo especial falou ao meu coração acerca do jejum. Logo no 2º versículo, Daniel relata que fez um jejum de “alimento desejável”, onde não comeu carne nem bebeu vinho, durante 3 semanas. Entendo aqui que Daniel fez um jejum parcial com 2 coisas que ele gostava muito: a carne e o vinho.

Você já pensou em quantas coisas que gostamos podemos utilizar para realizar um jejum que possa agradar a Deus? Podemos fazer jejum de comida, de bebida, de chocolate, de internet, de televisão, enfim, de algo que gostamos muito e que fazemos todos os dias. Sim, estou dizendo algo que fazemos todos os dias, pois se jejuarmos algo que não sentiremos falta, que não fará diferença por não estar havendo esforço, sacrifício, renúncia, não terá valor, não chegará ao resultado espiritual que podemos alcançar. Observe que Daniel escolheu 2 coisas que considerava “desejável”.

Jejuando nessas condições e considerando o que o Senhor ensina em Mateus 6.33, podemos ter absoluta certeza de que Ele nos suprirá em todas as nossas NECESSIDADES, se O buscarmos de TODO o coração, PRIORITARIAMENTE, independente do que estivermos passando nas diversas áreas de nossa vida. O objetivo principal de nosso jejum deve ser o desejo de construir um firme alicerce em nossa comunhão com o Senhor, por amor, não por obrigação.

Sugiro que meditem em Daniel 10 para compreender melhor o que compartilhei com vocês, para não ficar só nas minhas palavras. Se possível, anotem o que tirarem de lição desse lindo texto, à medida que forem lendo os versículos, pois há vários aprendizados, bem como a demonstração do significado da realização de um período de jejum, ou seja, o que acontece no reino espiritual quando o fazemos.

Na Bíblia existem outras passagens que explicam sobre o jejum que agrada a Deus, por isso, almeje conhecer mais do Senhor. Não se prenda ao que os outros dizem sem ter a certeza de que é isso que a Bíblia ensina. Confira você mesmo para não ser levado a “ventos de doutrina”. Seja como os crentes bereanos: confirme na Palavra o que está sendo dito sobre ela.

Que a paz do Senhor, que excede TODO o entendimento, esteja habitando abundantemente sob a sua vida.

Juliana Meni
Em 21/06/2009


Postar um comentário