Em que consiste a sua alegria ?



Em muitos momentos de nossa vida nos encontramos em uma situação tão delicada e sem saída que não temos força nem mesmo de adorar ao Senhor. Geralmente associamos a alegria à ausência dos problemas, mas se essa fosse a única opção não existiria o versículo “ainda que a figueira não floresça eu me alegrarei no Senhor”. A Bíblia também não diria que “a alegria do Senhor os fortalecerá”. Isso quer dizer que mesmo em tempo de guerra, de grandes momentos de tribulação existe a possibilidade de exercermos nossa alegria, pois ela não deve estar baseada nas circunstancias mas em nossa confiança que vem do Senhor. Essa alegria vem de uma comunhão com Deus que nos faz amá-Lo por quem Ele é e que nos faz fortes porque reconhecemos o poder que tem para cuidar suficientemente de nossa vida, em todas as áreas, ainda que não entendamos como.
Paulo e Silas oravam e cantavam hinos a Deus quando as correntes da prisão se arrebentaram (Atos 16.25-39). Eles poderiam estar tensos diante da provação que estavam passando, mas eles cantaram hinos ao Senhor. Foi apenas o ato de orar e cantar que gerou a libertação das prisões ? Não, foi o fato deles estarem adorando envolvidos naquilo que estavam entoando. A genuína adoração, confiança em Deus e alegria certamente faziam parte desses louvores e eles foram fundamentais para que as correntes espirituais fossem abertas.
Deus abençoou não só Paulo e Silas, como também salvou o carcereiro e sua família, por causa do testemunho que deram com suas atitudes.
Deus honra seus filhos quando eles vivem pela fé em meio às adversidades mais absurdas, e eu posso afirmar que se essa fé estiver acompanhada de alegria, certamente o tempo de espera será menos doloroso, pois como diz a Palavra do Senhor, “se te tornares fraco do dia da angústia, a sua força será pequena”.
Deus ama incondicionalmente seus filhos, mas Ele deseja que tenhamos um grau de intimidade maior com Ele. Ele nos garante que se O buscarmos em primeiro lugar as demais coisas nos serão acrescentadas. Ele nos acolhe, testifica em nós seu os desejos do nosso coração são coerentes com os Dele pra nossa vida. Assim, mesmo em meio às tribulações, nos alegramos no Senhor porque sabemos que nEle estamos seguros e que não cai uma só folha da árvore sem a sua permissão.
Postar um comentário