Santidade x pecado

Não podemos ser cheios do espírito Santo vivendo ainda no pecado...

REMENDO NOVO EM VESTIDO VELHO

Texto: “Ninguém põe remendo de pano novo em veste velha; porque o remendo tira parte da veste, e fica maior a rotura. Nem se põe vinho novo em odres velhos; do contrário, rompem-se os odres, derrama-se o vinho, e os odres se perdem. Mas põe-se vinho novo em odres novos, e ambos se conservam” (Mateus 9.16,17).

Introdução: O novo nascimento em Cristo é algo que deve mudar completamente a vida daqueles que experimentam receber Jesus como Senhor e salvador. A mudança é percebida quando o crente vai abandonando tudo aquilo que pertencia à sua velha vida. Não podemos querer conciliar a nova vida em Cristo com a velha vida do mundo.

1- O NOVO E O VELHO NÃO SE MISTURAM

Jesus estava ensinando aos discípulos de João que o evangelho é algo totalmente novo na vida daqueles que crêem nEle como o filho de Deus e se arrependem dos seus pecados (2 Co 5.17). Porém, é preciso disposição para romper com tudo aquilo que faz parte de uma vida sem Jesus.

Do mesmo modo que não se deve colocar um remendo novo numa roupa velha, o crente não pode querer andar com Jesus e continuar na prática do pecado, pois é impossível viver uma vida de santidade permanecendo com as mesmas atitudes de quando não tinha Jesus. Novo é novo e velho é velho.

Decida hoje abandonar tudo aquilo que ainda lembra a sua velha vida sem Cristo. Ore pedindo ao Senhor que purifique a sua vida e lhe dê forças para que você, a partir de hoje, busque a santificação da sua vida (Hb 12.14).

2- NÃO PODEMOS VIVER DE APARÊNCIAS

Aqueles que desejassem seguir Jesus precisariam abandonar as estruturas religiosas da época que levavam as pessoas a uma falsa religiosidade. Eles viviam uma vida de aparências, por fora eram belos como sepulcros caiados, mas por dentro só havia imundícia (Mt 23.27).

A opção pelo novo de Deus é uma decisão pessoal. Jesus não interfere em nossa vontade, mas espera que tomemos a decisão de deixarmos que Ele nos guie em todos os nossos caminhos. As coisas velhas só vão passar quando tomarmos esta decisão.

Decida eliminar tudo aquilo que lembra a sua velha vida. Comece fazendo uma limpeza dentro da sua casa e jogue fora tudo que ainda liga você à sua vida sem Jesus. Não dê nem venda, pois só devemos dar aquilo que queremos para nós também (Dt 7.26).

3- O VINHO NOVO E ODRE VELHO NÃO COMBINAM

Os odres eram sacos de couro utilizados para guardar líquidos. Um vinho novo só poderia ser colocado em um odre novo, pois a fermentação esticava o couro do odre que não deixava o vinho sair. Aquele odre não poderia ser usado novamente com vinho novo, pois odre sem elasticidade se rasgaria.

Para ser cheio do Espírito Santo de Deus o crente precisa ter a sua vida renovada em Cristo, pois o vinho novo de Deus não entra num odre velho e sujo. Assim como o vinho novo não combina com odre velho, o Espírito Santo não combina com uma vida de pecado (Ef 5.18).

Decida hoje ser um odre novo buscando uma vida de santidade, pois Deus quer levar você mais além do que você possa imaginar. Porém, é necessário que a sua vida esteja fluindo no Espírito Santo, desejando cada vez mais a Sua unção e poder (1Co 2.9).

CONCLUSÃO: Jesus disse que remendo novo não combina com roupa velha, ou seja, não podemos ser cheios do espírito Santo vivendo ainda no pecado. O crente não pode viver uma vida de aparência, ou somos crentes em Jesus ou não somos. Remendo novo em roupa velha não funciona; vinho novo em odre velho não combina. Amém.

Prs. Jário e Lúcia
Postar um comentário