CUIDADO no Consumo de bebidas isotônicas




O QUE É UMA BEBIDA ISOTÔNICA?  

Diferentemente da bebida energética, a bebida isotônica tem o objetivo de repor as perdas hidroeletrolíticas (hidro=água + eletrolíticos=eletrólitos) durante a prática de exercícios e/ou qualquer quadro clínico que leve a desidratação, como vômitos e diarréias intensos. Elas podem ser encontrados na forma de pós, concentrados ou líquido pronto para beber.

As bebidas isotônicas devem apresentar osmolaridade semelhante a dos fluidos corporais, o que faz com que sejam rapidamente absorvidos após o consumo. Que catzo é isso? Osmolaridade refere-se a quantidade de eletrólitos (termo "médico/científico" para os sais minerais, especificamente os íons) que encontramos dissolvidas em determinado solvente, por exemplo, no caso dos fluídos corporais, sódio, potássio e cloro, e em menores quantidades, cálcio, magnésio e fósforo! 

Neste sentido, o termo isotônico refere-se à tonicidade, ou seja, diz respeito à concentração dos eletrólitos (esses citados acima) de um líquido em relação ao sangue. Um líquido pode ser hipotônico, quando sua concentração é menor que a do sangue, hipertônico quando a concentração é maior ou ISOTÔNICO quando a concentração é igual a do sangue. Por isso bebidas isotônica! Há! 

COMPOSIÇÃO BÁSICA

Água

Eletŕolitos (Sódio, Potássio, Cloreto, Cálcio, Magnésio e Fósforo)
A concentração de sódio no produto pronto para consumo deve estar entre 460 e 1150 mg/l, devendo ser utilizados sais inorgânicos para fins alimentícios como fonte de sódio. No caso do potássio, o produto pode ser adicionado em até 700 mg/l.

Carboidratos 
Contem um baixo teor de carboidratos para garantir um rápido esvaziamento gástrico e levar menos tempo para atingir os tecidos que necessitam de hidratação e, assim, garantir uma rápida e eficiente reposição hidroeletrolítica. Os carboidratos podem constituir até 8% do produto pronto para consumo. Quanto ao tipo de carboidrato, este produto não pode ser adicionado de amido e o teor de frutose, quando adicionada, não pode ser superior a 3% do produto pronto para o consumo.

Vitaminas e minerais
O produto pode ser adicionado de vitaminas e minerais, conforme Regulamento Técnico específico sobre adição de nutrientes essenciais.
 
Aditivos
Corantes, aromatizantes artificiais, conservantes.

OBS: o produto não pode ser adicionado de outros nutrientes e de outros componentes que não sejam considerados nutrientes; o produto não pode ser adicionado de fibras alimentares. Além disso, não devem ser gaseificadas, pois os gases podem causar a distensão das paredes intestinais e a sensação de peso no estômago.

DISCUSSÃO
Por mais que estas bebidas melhorem o rendimento dos esportistas, elas não devem ser consumidas como uma alternativa para matar a sede ou para hidratação, substituindo sucos, chás e, principalmente, a água. A recomendação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) é que bebidas isotônicas sejam consumidas apenas por atletas, depois de uma atividade física pesada ou indicada por um especialista. As bebidas isotônicas foram desenvolvidas para repor líquidos e sais minerais perdidos com a transpiração durante um exercício com carga intensa, com a finalidade de prevenir a desidratação e melhorar a desempenho esportivo.

O consumo inadequado de bebidas isotônicas pode dificultar a perda de peso ou até engordar no caso dos indivíduos não praticantes de atividade física e pode agravar o quadro de algumas doenças crônicas como hipertensão arterial, doenças cardiovasculares, diabetes e principalmente insuficiência renal (o excesso de eletrólitos, principalmente o sódio, poderia sobrecarregar a função renal devido ao maior esforço para elimina-los).

Devido a sua acidez, as bebidas isotônicas também são prejudiciais para os dentes por causa da fragilização do esmalte dentário, aumentando as chances de desenvolver cáries e aumentado a sensibilidade dentária, já que o esmalte fica mais frágil e permeável. Em um trabalho feito por pesquisadores da Universidade de Nova York, verificou-se que o consumo prolongado dessas bebidas pode promover uma condição conhecida como erosão dentária. E o problema será pior se você escovar o dente logo após o consumo da bebida. "Por essa você não esperava né?"

Ou seja, não é qualquer um que pode consumir bebidas isotônicas...


CONCLUSÃO

  • Como meio para hidratar-se, sempre de preferência para água. Chá e sucos também podem ser opções para se hidratar mas cuidado, alguns sucos podem conter bastante calorias.
  • Bebidas isotônicas serão recomendadas no caso de exercícios prolongados, com mais de uma hora de duração.
  • Bebidas isotônica podem ser recomendadas nos casos de vômitos ou diarréia severos.
  • Não escove os dentes logo após o consumo de bebidas isotônicas, espere pelo menos 30 minutos.
  • CUIDADO: se você esta acima do peso, é hipertenso, cardiopata, diabético ou apresenta insuficiência renal crônica procure orientação de um profissional especializado.
  • ATENÇÃO: crianças raramente precisam de bebidas isotônicas.


Postar um comentário