Cuidado na educação dos filhos



Oi queridos, paz !

2 dias atrás sonhei que deveria falar para uma amiga, a respeito da educação da filha dela e confesso que fiquei receosa a respeito. Mas o Espírito Santo me dirigiu e me motivou a ouvir a Sua voz e obedecê-lo. Então resolvi aproveitar e compartilhar aqui no blog pois é um assunto útil para todos os que possuem filhos, especialmente crianças...
Então aí vai...

Pais, estou certa de que vcs têm feito O MELHOR que podem, mas existem alguns cuidados que vcs precisam observar no que tange a educação dos seus filhos. Vou tentar citar aqui alguns pontos importantes:

Amar não significa dar tudo o que a criança quer, mimar. Mesmo que vcs tenhan condições financeiras para comprar algo, ou que seja fácil atender o pedido da criança, é preciso avaliar se realmente tem que ser dado, e na hora que está sendo pedido. A ordem do Senhor é dar limites, regras e corrigir sempre que necessário. Se a criança quer algo e faz escândalo para conseguir, se não for algo imprescindível e os pais cederem sempre, ela vai aprender que fazendo isso elas sempre conseguirão o que querem. São os pais quem dão os limites... E isso será por toda a vida. Não adianta ceder enquanto é bebê achando que quando ele crescer será diferente porque não será.

Mas se os pais derem limite e não atenderem ao pedido se for algo que não tem necessidade, ela vai parar quando cansar, porque vai ver que não consegue dominar seus pais, e na tentativa de erro e acerto, uma hora ela vai perceber que ela NÃO TEM PODER PARA DOMINAR OS PAIS.

Qdo a criança é ensinada a ter tudo o que quer, tende a ser um adolescente /  adulto que não segue regras e princípios, que se revoltará todas as vezes que as coisas não acontecerem do jeito que ela acha que tem que ser. Não aceitará os “NAOS” da vida, o limite das outras pessoas, pois se sentirá sempre superior a elas, e criará estratégias para convencer que ela tem domínio sobre sua própria vida e sob a das outras pessoas.

A repreensão na hora é dolorosa para quem exorta e pra quem é exortado, porque ninguém quer receber NÂO, mas faz bem para ambos porque ajudará no reconhecimento das regras da vida e os limites. E as conseqüências serão bons frutos de uma pessoa que aprendeu os limites e reconhece que nem sempre ela terá as coisas como gostaria...

Provérbio 3.11-12:
Filho meu, não rejeites a correção do SENHOR, nem te enojes da sua repreensão.
Porque o SENHOR repreende aquele a quem ama, assim como o pai ao filho a quem quer bem.

Provérbio 6.23:
Porque o mandamento é lâmpada, e a lei é luz; e as repreensões da correção são o caminho da vida,

Hebreus 12.7
Se suportais a correção, Deus vos trata como filhos; porque, que filho há a quem o pai não corrija?

Provérbio 10.17
O caminho para a vida é daquele que guarda a instrução, mas o que deixa a repreensão comete erro.

Provérbio 23.13
Não retires a disciplina da criança; pois se a fustigares com a vara, nem por isso morrerá.

Jó 36.10
Abre-lhes também os seus ouvidos, para sua disciplina, e ordena-lhes que se convertam da maldade.

Provérbio 15.32
O que rejeita a instrução menospreza a própria alma, mas o que escuta a repreensão adquire entendimento.

Bom, é isso ! Espero que vc tenha entendido o recado... foi muito difícil escrever esta mensagem, mas está aí ! .
Juliana Meni
Postar um comentário