Quais os meus dons?



Queridos, paz !

Hoje gostaria de promover uma reflexão no que se refere ao desenvolvimento dos dons e talentos que temos. TODOS nós temos dons. Alguns já identificaram quais são, outros não, mas todos têm.

Muitas são as atividades que podem ser desenvolvidas dentro e fora da igreja mas infelizmente por nem todos darem sua contribuição, os poucos que se interessam de trabalhar ficam sobrecarregados em suas funções. É uma pena que isso aconteça ! Mas glória a Deus aos que se colocam à disposição para fazer a obra do Senhor na área que tem sido chamados. Deus tem honra para cada um na medida do amor que se dedicam para que tudo seja realizado da melhor forma possível. Essa honra não precisa ser necessariamente um título, mas eu te garanto que o fato de você ver os frutos, vidas sendo abençoadas através do que suas mãos tem trabalhado, já é o suficiente para você se sentir honrado por ser INSTRUMENTO de um Deus são misericordioso, ainda que nós sejamos ao falhos e limitados.

Algumas pessoas não conseguem identificar para que foram chamadas. Ora, eu penso que é simples: observe as coisas que você gosta de fazer e comece a trabalhar auxiliando no que estiver ao seu alcance. Observe as solicitações de ajuda, ou mesmo quando não há solicitação. Se você observar que alguma área está precisando de ajuda, não critique, mas faça a sua parte. ALGUNS EXEMPLOS:
1) Alguém anuncia que será realizado um mutirão de limpeza na igreja e precisa de voluntários:
1.1) Você sabe limpar e organizar bem uma casa? Então se envolta e contribua com o que você sabe fazer bem;
1.2) Você não sabe limpar nem organizar bem uma casa, mas está disposto a ajudar? Então vá e coloque-se à disposição para auxiliar quem estiver fazendo. É também uma forma de aprender e de servir...

2) Será realizado um evangelismo. Você não sabe como evangelizar e fica constrangido de ir. Comece a ir e fique perto de quem sabe. Vá com o propósito de interceder pelos que serão evangelizados e pelos evangelistas e faça o que estiver ao seu alcance. Assim voc~e estará aprendendo.

3) Você vê que sua igreja não dá muito suporte para o depto infantil. Percebe que precisam de mais tias para ajudar, de idéias criativas, melhora no trabalho de ensino, lanche, etc?

4) Tem dias de culto que não tem ninguém para cantar louvor e você sabe cantar? Não critique. Coloque-se à disposição para ajudar...

5) Você tem o dom de cantar? Já parou para pensar que seu dom não é apenas para ser desenvolvido entre as 4 paredes da igreja, diante de um microfone? Comece a cantar no seu dia-a-dia... Seu louvor quebra cadeias espirituais e ao cantar por exemplo na rua, enquanto caminha em direção ao seu trabalho, ou enqto trabalha, alguém pode ouvir e ser tocado pelo Espírito Santo... Seja sensível ao Espírito Santo e cante o trecho de uma música a alguém quando você quiser lhe dizer algo para confortar mas não tenha palavras para consolar...

6) Você gosta de escrever? Escreva cartas de edificação e evangelize e/ou promova edificação através delas.

E se mesmo com essas dicas você ainda não conseguiu se “achar”, reflita um pouco mais...

1) Pense em tudo o que alguém pode fazer para a obra de Deus, nas diversas áreas (Evangelismo, Visitação, Ação Social, Secretaria, Tesouraria, Louvor, Missões, Clamor e Intercessão, Limpeza e organização, Ornamentação etc)...

2) Preencha esses itens e depois identifique os que você mais se identificou...
- O QUE GOSTO DE FAZER E FAÇO:
- O QUE GOSTO DE FAZER E NÃO FAÇO:
- O QUE NÃO GOSTO DE FAZER E FAÇO:
- O QUE NÃO GOSTO DE FAZER E NÃO FAÇO:

Queridos, esses foram apenas alguns exemplos. Ajude no que você sabe e pode fazer. O que você não sabe fazer mas deseja desenvolver, comece a caminhar com quem sabe... aliás, mesmo que você saiba desenvolver bem alguma área, “cole” com quem sabe mais ainda, para que você possa aprender mais... nunca se ache bom o suficiente.

Não chegue de forma autoritária, nem critique o trabalho que está sendo realizado. Pense que Deus te chamou para somar. Ele pode estar convidando você a executar os projetos que você entende que poderiam ser melhor desenvolvidos. Não estou falando em tomar o lugar a liderança vigente, não é isso, mas Deus pode estar desejando que você se doe mais para a obra de Deus e auxilie a liderança a executar o que está no seu coração.

Outrora eu estava orando e questionando ao Senhor o porquê das igrejas investirem em projetos para edificação de casais casados e quase nada para solteiros. Até que um dia Deus me confrontou que esse trabalho deveria começar por mim. Eu relutei e questionei por que eu, mas entendi que era minha essa responsabilidade. Orei muito pedindo a confirmação de Deus e fui observando os sinais. Quando tive certeza que eu realmente deveria investir nessa área comecei a pesquisar a respeito e projetar idéias. Fiz um projeto com a direção de Deus cujo objetivo seria um encontro para um dia inteiro de sábado com o foco de edificação para solteiros. Apresentei ao meu Pastor, o mesmo foi aprovado por ele e pelo Ministério e então comecei a trabalhar em cima dele. Hoje estamos preparando o 5º ENSOL – Encontro para edificação de solteiros e temos visto que esse projeto realmente nasceu no coração de Deus. Temos visto solteiros melhorarem em seu processo de espera, namorados e noivos ampliando a visão sobre a responsabilidade do casamento, etc. Muitos testemunhos são compartilhados e a cada dia testificamos o quanto o ENSOL nasceu no coração de Deus. Com isso eu quero te encorajar a não criticar os trabalhos que são realizados em sua igreja e que não te agradam. Ore por essas áreas que você considera que estão sendo desenvolvidas de forma insuficiente. Peça a Deus que amplie a visão da liderança vigente e te mostre em que você pode ajudar.

“Se você for sábio, o benefício será seu; se for zombador, sofrerá as conseqüências” provérbio 9.12

Envolva-se ! Coloque-se à disposição para ajudar e à medida que as oportunidades surgirem, faça o melhor com o seu trabalho. Ore para que Deus abra as portas de acordo com o que Ele quer que você desenvolva. Peça para Ele abrir as portas e te capacitar.

Não mude de igreja só porque você acha que é melhor estar em uma que já possua projetos bem desenvolvidos. Será que Deus não está chamando VOCÊ para contribuir na igreja que já está? Ore a respeito disso, peça ao Senhor que amplie sua visão e observe os sinais... Deus não quer que você como um prego, preso ao banco, que vai à igreja apenas para receber, receber, receber. Deus ama aquele que ama a Sua presença, mas também ama Sua obra, para servir. Aprenda a SERVIR! A obra é de Deus e não nossa.

Abç.
Juliana Meni



Postar um comentário